natureza

Se viver ou trabalhar na cidade o tem feito sentir-se em baixo, há uma boa notícia: Uma breve caminhada na natureza pode ser tudo o que é preciso para afastar os pensamentos negativos.

Natureza reduz a depressão. Pelo menos essa é a conclusão de um novo estudo.

No tempo dos homens das cavernas (e até mesmo há algumas centenas de anos atrás), as pessoas viviam perto da natureza…

Mas Hoje, no mundo ocidental, a maioria das pessoas vive em cidades movimentadas e congestionadas.

Mesmo aqueles que vivem em pequenas cidades ou no interior do país, muitas vezes trabalham em escritórios, permanecendo no interior de edifícios com ar-condicionado todos os dias e depois voltando para dentro de casa novamente.

Se você vive em uma cidade ou trabalha dentro de casa, você provavelmente não frequenta a natureza como as gerações de pessoas antes de você.

Seu entretenimento mudou para o interior de edificios:

  • Ginásios fechados
  • Piscinas cobertas
  • Ver televisão,
  • Ir ao cinema,

  • Bowling,
  • ler dentro de casa
  • e muitas mais…!

Você pode estar completamente desligado da natureza em sua vida no dia-a-dia.

Tem havido muitos estudos que mostram que as pessoas da cidade são muito mais propensas a sofrer de depressão, ansiedade e problemas emocionais do que as pessoas que vivem em áreas rurais e trabalham fora na natureza.

Basta pensar nisso… Como é que uma pequena caminhada através de um parque de campismo o vai fazer sentir?
Eu aposto que você vai se sentir mais relaxado, mais focado e mais feliz.

Pois é isso mesmo que a nova pesquisa está a provar! Que sair da cidade e ir para a natureza é bom para o seu bem-estar físico e mental.

Estar na natureza muda o seu cérebro e afecta positivamente a sua saúde

existe-amanha

Um estudo realizado por Gregory Bratman de Stanford pediu aos participantes para passearem 50 minutos a pé em ambientes naturais ou urbanos e o preenchimento de uma avaliação psicológica antes e depois da caminhada.

O Resultado:

Os voluntários que caminhavam através dos espaços verdes do campus mostraram uma melhora na função cognitiva e humor em comparação com os voluntários que caminhavam perto de áreas de alto tráfego, ao mesmo tempo.

O estudo mostrou que a natureza pode reduzir a depressão e ter um efeito positivo sobre o bem-estar mental e o cérebro, mas não examinou mecanismos neurológicos subjacentes a esta alteração, deixando espaço para estudos posteriores.

Passear na natureza afasta as preocupações

passear-natureza

Preocupações são quando você entra constantemente em stress com coisas cotidianas em sua vida. Isto não só é inútil ou prejudicial à saúde, como pode ser perigoso para sua saúde mental em geral.

Preocupações constantes = Probabilidade de depressão. As preocupações podem ser um precursor para a depressão.

Cidades: As pessoas com preocupações são mais facilmente encontradas entre aqueles que vivem em cidades.
Áreas rurais: As pessoas com preocupações não são tao facilmente encontradas entre as pessoas que vivem em áreas rurais.

As preocupações estão associadas com aumento da atividade no córtex pré-frontal. Isso fez com Bratman e sua equipe tenha decidido medir a actividade antes e após a exposição à natureza em seu estudo de acompanhamento.

Eles examinaram 38 adultos moradores da cidade:

Primeiro, eles pediram-lhes para preencher um questionário sobre a sua frequência de preocupações e fizeram leituras do cérebro para medir o fluxo de sangue em seu córtex pré-frontal.

Eles então dividiram as pessoas em dois grupos, como no estudo anterior:

1º grupo: Caminhar em áreas verdes,
2º grupo: Caminhar perto do tráfego de uma estrada movimentada.

Os voluntários tinham de andar sozinhos, sem música.

Após a caminhada, eles foram convidados a preencher o mesmo questionário e fazer leituras ao cérebro novamente, usando uma forma de ressonância magnética que mede o fluxo sanguíneo no cérebro em repouso

De acordo com os resultados:

2º grupo – As pessoas que andaram pela estrada tinham aumentado os níveis de fluxo sanguíneo para o seu córtex pré-frontal e as suas pontuações de preocupação não mudaram.
1º grupo – Os que caminharam na natureza mostraram melhorias no bem-estar mental, com seu menor fluxo de sangue ao seu córtex pré-frontal, mostrando um cérebro mais tranquilo.

Estes estudos sugerem fortemente que passear em ambientes naturais poderia ser uma forma eficaz, mas simples para melhorar imediatamente o seu estado de espírito, especialmente para aqueles que vivem em cidades.

Tente você mesmo – Dê um passeio pela natureza!

curar-depressao-2

Não há nada a perder, e ainda muito a ganhar, por isso certifique-se de passar algum tempo na natureza todos os dias.

Especialmente quando você está se sentindo com stress ou preocupado regularmente, basta ir e estar na natureza.

Então, vá para um agradável passeio no parque. Sinta ou deite-se na erva. Cheire as flores. Acampe se puder. Abrace uma árvore. Envolva-se com a jardinagem urbana. Compre algumas plantas para sua casa e seu escritório.

Mantenha a natureza envolvida em sua vida e você vai começar a sentir-se ainda mais vibrante e vivo.